cba7ba5075094737aa15e4f078838716

Esta manhã, eu fui no supermercado, como eu faço toda dia. A diferença entre hoje e todas as centenas de vezes que eu fiz isso antes foi que eu me senti muito irritada fazendo isso. Na volta pra casa eu chorei. Como adultos, nós temos que fazer essa merda o tempo todo. Acorda, vai no supermercado, almoça, lava a louça, toma banho, janta, assiste a novela das nove, dorme pra acordar e fazer tudo de novo.

A monotonia de tudo isso poderia matá-lo, e talvez irá, eu quero dizer, eu não sei o seu nível de saúde. Então, novamente, se você quer ser saudável, você tem que exercitar todos os dias da sua vida no mínimo meia hora, aquela caminhada que vai do nada ao lugar algum e comer de 3 em 3 horas comida que provavelmente você não vai gostar,enfim basicamente fazer tudo ao  contrário do que o prazer diz. E PRA QUE? Nós já sabemos como nossa história termina.

 SÉRIO. Qual é o ponto DE TUDO ISSO?

 Pra que tentar viver cada vez mais, se a gente só fica fazendo exatamente a mesma coisa monótona chata todo santo dia. Ninguém está exatamente saltando de paraquedas, tendo viagens de ultima hora românticas pra paris ou pelo indo na cerimonia do oscar. NÃO, a gente come saudável e caminha meia hora todo dia pra ir no supermercado todo dia.

 E eu sei o que os pessimistas virão com tudo agora. Deus, você realmente tem menos de 30 anos, faz parte da geração ‘ eu, eu’ que acha que o mundo é o que a Disney ensinou, esta é a realidade, não sabe? É a realidade e você tem que crescer. Esta é a vida: você acordar e ir para um trabalho que você pode ou não gosta, você faz sexo com alguém que você pode ou não gostar, e você faz coisas de adulto que você pode ou não gostar.

 Esta é a vida, você não sabia? E, se você tiver sorte, você vai ter alguns bons dias lá dentro de um mês, provavelmente num final de semana e olhe lá.

 Eu não sei sobre você, mas eu com certeza sei que eu não quero que a minha vida se defina a isso a recibos de compra do supermercado todos os dias. Olhando pra aquelas pessoas deprimidas com suas cestinhas na mão que nem eu. No meu leito de morte, não quero que minha vida se resuma a recibo de supermercados.

Eu adoraria dar a resposta aqui de como resolver, mas eu não sei, eu também estou no processo de descobrir a solução. Quero meu coração pulsando muito forte no coração, quero que minha vida pareça um roteiro de filme. Eu quero tudo. Eu quero dar a volta ao mundo, eu quero ganhar um oscar e o premio nobel e ainda ganhar no mesmo ano, eu quero ser condecorado pelo presidente, eu quero minha estrela na calcada da fama e todos berrando meu nome. Enfim

 Eu quero apenas um pouco mais e ir no supermercado um pouco menos. Eu quero viver e não apenas sobreviver.

Raquel Link

Advertisements